Resultados: 14

Codependência química: percepção de familiares de usuários de substâncias psicoativas de uma comunidade terapêutica do Sul do Brasil

Rev. Enferm. Atual In Derme; 86 (Edição Especial), 2018
O Objetivo é conhecer a percepção dos familiares de dependentes químicos, de uma comunidade terapêutica, acerca da codependencia química. Trata-se de uma pesquisa, cuja amostra constituiu-se por oito familiares. A coleta de dados ocorreu por meio da entrevista semiestruturada e pelo uso do diário ...

Fortalecimento do vínculo entre a família e o neonato prematuro

Objetivo: identificar quais são as intervenções de Enfermagem realizadas em uma Unidade de Terapia Intensiva Neonatal que promovem o fortalecimento do vínculo entre a família e o recém-nascido prematuro. Método: trata-se de estudo qualitativo, descritivo, realizado em uma maternidade pública, com...

O ambiente familiar e o desenvolvimento da criança com autismo

Objetivo: identificar evidências disponíveis na literatura sobre como o ambiente familiar é capaz de influenciar o desenvolvimento da criança com transtorno do espectro autista. Método: trata-se de um estudo bibliográfico, descritivo, tipo revisão integrativa de literatura de estudos publicados no...

Estratégias sócio-afetivas utilizadas por familiares de mulheres usuárias de crack

Objetivo: conhecer as estratégias socioafetivas utilizadas por familiares durante o processo de maternidade de mulheres usuárias de crack. Método: estudo qualitativo realizado a partir de entrevistas semiestruturadas com cinco familiares de mães usuárias de crack. Os dados foram produzidos na resid...

Crianças com incontinência urinária: impacto na convivência dos familiares

Objetivo: identificar fatores que impactam na convivência dos familiares de crianças com incontinência urinária. Método: estudo bibliográfico, descritivo, tipo revisão integrativa, com busca de artigos no mês de setembro de 2017, nas bases de dados LILACS, BDENF, MEDLINE e CINAHL. Considerou-se o...

Comunicação entre idoso e família em grupos de convivência

Objetivo: analisar a comunicação entre idoso e família dos frequentadores de grupos de convivência. Método: estudo qualitativo, descritivo, exploratório, com 33 idosos participantes de um projeto de extensão. Utilizou-se a entrevista semiestruturada para a coleta de dados. Empregou-se a técnica d...

Percepções de crianças brasileiras sobre família

Objetivo: investigar a produção científica quanto à percepção de crianças brasileiras sobre família. Método: revisão de literatura, de 2006 a 2016, na base de dados LILACS e biblioteca Scielo, utilizando os descritores das Ciências da Saúde (DeCs) família e criança. Foram selecionados 15 ar...

Opinión del adulto mayor con relación a su estancia en un asilo

Introducción: Las condiciones de las personas de edad avanzada viviendo en asilo son de gran interés social, algunas familias no comprenden que las capacidades de éstos han cambiado, así que los aíslan o los ingresan en asilos, en donde algunas veces no son tomadas en cuenta sus opiniones, viéndose...

Estratégia participativa e interdisciplinar de cuidado com famílias de pessoas com fibromialgia

Rev. enferm. UERJ; 25 (), 2017
Objetivos: identificar o entendimento das famílias sobre fibromialgia, descrever as mudanças na rotina e analisar as estratégias de cuidado desenvolvidas pelas redes familiares. Método: pesquisa qualitativa, participativa, fundamentada na teoria freireana, com oito participantes de uma instituição ...

Necessidades de cuidados de adolescentes usuários de drogas segundo seus familiares

Rev. enferm. UERJ; 24 (3), 2016
Objetivo: compreender a necessidade de cuidado expressa por familiares do adolescente usuário de álcool e substâncias psicoativas. Método: pesquisa descritiva de abordagem qualitativa realizada com seis familiares de adolescentes usuários de álcool e outras drogas e que foram hospitalizados para tr...