Resultados: 9

Self-care of people with intestinal ostomy: beyond the procedural towards rehabilitation

Rev. bras. enferm; 74 (1), 2021
ABSTRACT Objectives: to interpret the self-care experience of people with intestinal ostomy registered in an ostomy program, based on the framework of the Social Model of Disability. Methods: qualitative exploratory research, with the participation of nine people with intestinal ostomy, based on the So...

Assistência no Programa de Ostomizados: perspectiva da equipe multidisciplinar

Rev Rene (Online); 21 (), 2020
RESUMO Objetivo interpretar a perspectiva da equipe multidisciplinar sobre a assistência às pessoas estomizadas. Métodos estudo qualitativo, com cinco profissionais da equipe multidisciplinar do Programa de Ostomizados, fundamentada no Modelo Social da Deficiência. Coletaram-se dados com grupo fo...

Reabilitação de pessoas com estomia intestinal: revisão integrativa

Rev. enferm. UFPE on line; 11 (supl.4), 2017
Objetivo: analisar a produção científica nacional e internacional sobre a reabilitação do estomizado intestinal e as implicações para a assistência. Método: revisão integrativa com a pergunta: quais os aspectos explorados pela produção científica nacional e internacional sobre a reabilitaç...

Protocolo para prevenção de úlcera por pressão

Rev. RENE; 18 (2), 2017
Objetivo: analisar as evidências científicas nacionais e internacionais para estabelecer recomendações na elaboração de protocolo de enfermagem para prevenção de úlcera por pressão. Métodos: revisão integrativa com busca nas bases de dados LILACS, MEDLINE e BDENF, com descritores “úlcera p...

Mudanças físicas, psicossociais e os sentimentos gerados pela estomia intestinal para o paciente: revisão integrativa

Rev. enferm. UFPE on line; 11 (supl.2), 2017
Objetivo: analisar a produção científica nacional e internacional sobre as mudanças físicas, psicossociais e os sentimentos gerados pela estomia intestinal para os pacientes. Método: revisão integrativa no período de2002 a 2015 com a questão >. Realizou-se buscas nas bases de dados LILACS,MEDLIN...

Estratégias de ensino para o autocuidado de estomizados intestinais

Rev. RENE; 15 (1), 2014
O ensino do autocuidado deve assegurar ao estomizado intestinal maior independência em relação à família e aos profissionais de saúde. O planejamento pressupõe a avaliação dos dados clínicos, sociodemográficos e das condições para a realização do autocuidado. Objetivou-se identificar, na p...

Conhecimento e prática de acadêmicos de enfermagem sobre cuidados com portadores de feridas

O presente estudo teve como objetivo identificar o conhecimento, a prática e fontes de informações de graduandos de enfermagem sobre o cuidado a portadores de feridas. Trata-se de estudo quantitativo com delineamento descritivo-exploratório realizado com 68 graduandos de enfermagem do 9º período de...

Vigilância de infecção de sítio cirúrgico no pós-alta hospitalar de cirurgia cardíaca reconstrutora

Texto & contexto enferm; 20 (2), 2011
A incidência de doenças cardiovasculares vem aumentando a cada ano e, na maioria das vezes, a cirurgia de revascularização do miocárdio se faz necessária, sendo a infecção de sítio cirúrgico, uma das principais complicações. Este estudo teve por objetivo identificar sinais e sintomas de infec...

Orientações de enfermagem aos pacientes sobre oautocuidado e os sinais e sintomas de infecção de sítio cirúrgico para a pós-alta hospitalar de cirurgia cardíaca reconstrutora

REME rev. min. enferm; 14 (2), 2010
O comportamento de autocuidado é fundamental ao paciente, pois lhe oferece subsídios que o ajudarão a melhorar sua atividade social e sua função familiar, influenciando de forma positiva na adesão ao tratamento. Com este estudo objetivou-se levantar informações dos pacientes sobre as orientaçõe...