Resultados: 8

Qualidade de vida e doenças autorreferidas em mulheres de apenados

Objetivo: analisar a qualidade de vida e identificar doenças autorreferidas em mulheres de apenados. Método: tratase de um estudo quantitativo, descritivo, transversal, com 349 mulheres de apenados em três penitenciárias. Coletaram-se os dados por meio de dois instrumentos. Analisaram-se as informaç...

A saúde e sua relação com a ressocialização das presidiárias

Objetivo: analisar a relação que o acesso à saúde de mulheres encarceradas pode ter com o processo de ressocialização. Método: trata-se de estudo qualitativo, tipo descritivo. Fundamentar-se-á o processo no referencial teórico da fenomenologia sociológica de Alfred Schutz. Realizar-se-á a pesq...

Saúde e doença: concepções e necessidades percebidas no sistema penitenciário

Rev. enferm. UFPE on line; 9 (1,supl), 2015
Objetivo: compreender as concepções e as necessidades percebidas dos detentos do sistema penitenciário do Estado da Paraíba. Método: estudo descritivo, com abordagem qualitativa, realizado entre os meses de fevereiro e dezembro de 2012. A amostra foi encerrada em 53 apenados com auxílio da técnica...

Representações de mulheres encarceradas sobre gestar na prisão

Rev. enferm. UFPE on line; 12 (11), 2018
Objetivo: compreender as representações sociais de gestantes e puérperas encarceradas sobre o gestar enquanto vivendo em Colônias Penais. Método: trata-se de estudo qualitativo, embasado no referencial teórico-metodológico das Representações Sociais, com 19 mulheres encarceradas em Colônias Pen...

Perfil socioeconômico e sexual de mulheres privadas de liberdade

Objetivo: identificar o perfil sexual de mulheres privadas de liberdade. Métodos: estudo quantitativo, descritivo, corte transversal, envolvendo 56 detentas. A coleta de dados, na Cadeia Municipal, contemplou dados de caracterização sexual. Resultados: evidenciaram menarca e coitarca precoce, pouca va...

Maternidade em regime prisional: desfechos maternos e neonatais

Objetivo: descrever os desfechos, identificados na literatura, da gestação, parto e puerpério em mulheres privadas de liberdade. Método: revisão integrativa de artigos científicos publicados entre 2007 a 2017, nas bases de dados Medline, Web of Science, LILACS e biblioteca virtual SciELO, utilizou-...