Perfil clínico-epidemiológico de internamentos na unidade pediátrica de um hospital público cearense
Clinical-epidemiological profile of hospitalizations in the pediatric unit of a public hospital in Ceará

REME rev. min. enferm; 22 (), 2018
Publication year: 2018

OBJETIVO:

traçar o perfil clínico e epidemiológico dos internamentos na unidade pediátrica de um hospital público cearense.

MÉTODO:

estudo documental, retrospectivo, quantitativo realizado com 283 prontuários de crianças internadas em um hospital público localizado no interior do Ceará. Utilizou-se para coleta de dados um formulário abordando dados sociodemográficos, além de informações acerca da procedência, classificação de Manchester, diagnóstico pelo Código Internacional de Doenças, tempo de internação, tipo de tratamento, uso de antibiótico e motivo de saída.

RESULTADOS:

verificou-se que a maioria das crianças internadas era do sexo masculino (n= 48; 52,3%); tinha faixa etária de um a três anos (n= 73; 25,8%); era proveniente de Sobral-CE (n= 197; 69,6%); foi internada por pneumonia (n= 78,3%) e gastroenterites (14,8%); foi classificada como amarela de acordo com o protocolo de Manchester (n= 137; 48,4%); permaneceu no hospital por período inferior a sete dias (n= 133; 49,8%) e que o principal motivo de saída da unidade hospitalar foi alta médica (n= 270; 95,4%).

CONCLUSÃO:

percebe-se que conhecer o perfil clínico e epidemiológico dos internamentos consiste em uma importante ferramenta para o enfermeiro, pois permite que o planejamento do cuidado seja realizado de maneira individualizada e integral, facilita a definição da quantidade de recursos humanos e materiais necessários para a promoção do cuidado à criança, auxilia na identificação de problemas relacionados à assistência pediátrica e subsidia sua resolução.(AU)