Estratégias ativas de ensino e aprendizagem: percepções de estudantes de enfermagem
Active teaching and learning strategies: perceptions of nursing students

REME rev. min. enferm; 22 (), 2018
Publication year: 2018

Diante da necessidade de mudança no modelo tradicional de ensino e aprendizagem, um grupo de docentes das disciplinas Atenção à Saúde da Mulher e da Criança de um curso de Enfermagem de uma universidade pública decidiu incorporar metodologias ativas de ensino. Este estudo teve como objetivo compreender a vivência do estudante após mudanças no método de ensino e bem como o processo de implementação das novas estratégias. A coleta de dados foi realizada em junho de 2016 com o grupo de estudantes que cursou a disciplina. Foi aplicado questionário de avaliação da disciplina composto por questões fechadas e uma questão dissertativa, com o intuito de que os estudantes elaborassem uma narrativa. Foram realizadas análise estatística descritiva e análise de conteúdo dos dados. Os principais resultados mostraram que, na avaliação geral da disciplina, a maioria atribuiu conceito ótimo e bom, os aspectos mais citados foram “professores”, “campos de prática” e “aulas de laboratório”. Na prática clínica foram destacadas “autonomia”, “discussão de casos” e “consulta de enfermagem” como pontos positivos; entre os negativos foram identificadas a “relação com o enfermeiro do serviço” e “recepção da equipe”.

Da análise de conteúdo das narrativas emergiram os seguintes temas:

“vivendo a metodologia ativa”, “observado associação entre teoria e prática” e “indo para além da técnica”. No processo vivenciado, os estudantes destacaram experiências para além do aprendizado técnico, como aquisição de valores morais, crescimento como ser humano, importância para a cidadania, respeito e sensibilidade nas relações humanas, incorporando conceitos como integralidade, horizontalidade e autonomia.(AU)