Resultados: 30

Diagnósticos de enfermagem em pessoas acometidas pela síndrome da imunodeficiência adquirida em terapia antirretroviral

Rev. enferm. UERJ; 19 (3), 2011
Estudo descritivo-exploratório de abordagem quantitativa, cujos objetivos foram conhecer e avaliar os diagnósticos de enfermagem de pessoas acometidas pela Síndrome da Imunodeficiência Adquirida, antes e após o atendimento ambulatorial e a consulta de enfermagem. A pesquisa foi realizada em um hospi...

Adesão ao tratamento antirretroviral: vivências de escolares

Texto & contexto enferm; 20 (1), 2011
Pesquisa de abordagem qualitativa, cujos objetivos foram descrever o processo de adesão através da análise do cotidiano dos escolares e do processo de ocultamento do HIV/aids e identificar situações vivenciadas pelos escolares que possam influenciar na adesão à Terapia Antirretroviral. Utilizou-se...

Características sociodemográficas y determinantes de adhesión terapéutica antirretrovial en pacientes con VIH/SIDA en dos instituciones de Bogotá

Rev. colomb. enferm; 4 (4), 2009
La adhesión al Tratamiento Antirretroviral de Gran Actividad (TARGA), es considerada uno de los principales aspectos para la efectividad del tratamiento en la personas con VIH/Sida. Se realizó un estudio descriptivo de serie de casos con el objetivo de determinar la frecuencia de adhesión al tratamien...

Gestante HIV+ e crianças expostas: estudo epidemiológico da notificação compulsória

Rev. gaúch. enferm; 28 (4), 2007
Estudo epidemiológico transversal que objetivou identificar o tratamento anti-retroviral utilizado na gestaçãoe parto, encerramento do caso e o diagnóstico dos filhos de gestantes HIV+. Analisaram-se as fichas denotificação das gestantes registradas em 2002 que tiveram os casos encerrados em 2005 d...

Entre dose e volume: o princípio da matemática no cuidado medicamentoso à criança hiv positiva

Rev. enferm. UERJ; 17 (3), 2009
O cuidado medicamentoso à criança HIV/AIDS é marcado por desafios e dilemas. Assim, objetiva-se descrever e analisar a dimensão matemática do cuidado medicamentoso implementado com crianças soropositivas em uso de antirretrovirais por parte de cuidadores familiares. Trata-se de um estudo qualitativ...

Adesão à terapia antiretroviral para HIV/AIDS

Rev. Esc. Enferm. USP; 40 (4), 2006
A não-adesão à terapêutica antiretroviral altamente eficaz (HAART) é considerada, no plano individual, como um dos mais ameaçadores perigos para a efetividade do tratamento da pessoa com HIV/aids e para a disseminação de vírus-resistência, no plano coletivo. Assim, o objetivo deste estudo foi a...

Exposições ocupacionais por fluidos corpóreos entre trabalhadores da saúde e sua adesão à quimioprofilaxia

Rev. Esc. Enferm. USP; 41 (1), 2007
Os objetivos do estudo foram investigar as características do acidente e do acidentado e avaliar a adesão à quimioprofilaxia e aos exames de controle e seguimento após o acidente ocupacional com risco de contaminação pelo vírus da imunodeficiência humana e vírus das hepatites B e C. Este é um e...

Vivência dos trabalhadores de enfermagem frente ao uso dos antiretroviarais após exposição ocupacional a material biológico

Texto & contexto enferm; 16 (1), 2007
Trata-se de uma pesquisa embasada no Modelo de Crenças em Saúde, com abordagem de análisede dados quanti-qualitativa, efetuada por meio de cálculos porcentuais (dados quantitativos) e análise deconteúdo (dados qualitativos). Teve com objetivo analisar as crenças significativas para a adesão ou n...

A cronicidade no processo saúde-doença: repensando a epidemia da AIDS após os anti-retrovirais

Rev. enferm. UERJ; 14 (3), 2006
Este artigo configura uma revisão crítica e tem por objetivo colaborar nas discussões acerca do viver com AIDS, sob o prisma da cronicidade, e com o tratamento anti-retroviral. Lançou-se um olhar, a partir da perspectiva histórico-cultural, à epidemia HIV/AIDS, na contemporaneidade, e aos avanços ...