Opinião dos enfermeiros sobre educação permanente em um hospital público

Rev. enferm. UFPE on line; 10 (5), 2016
Publication year: 2016

Objetivo:

analisar a opinião dos enfermeiros sobre um programa de educação permanente, identificandomotivos que interferem na adesão.

Método:

estudo descritivo transversal com 152 enfermeiros em umhospital público de Pernambuco. Aplicou-se um questionário com 25 perguntas, pós autorização pelo Comitêde Ética e Pesquisa da Faculdade Pernambucana de Saúde nº 02-2012.

Resultados:

os entrevistadosconcordaram que a educação permanente aprimora a formação profissional.

A maioria dos participantesaprecia a metodologia e aprova as três modalidades do programa:

em sala de simulação prática; in loco; ereunião clínica.

Conclusão:

constatou-se ser fundamental considerar a opinião dos enfermeiros que relatamsobrecarga de trabalho após participar das atividades de capacitação e que preferem ser consultadospreviamente quanto aos temas oferecidos. Reconhecer e valorizar as sugestões dos profissionais mostra-serelevante para adotar medidas voltadas a aumentar a efetiva adesão ao programa.