As tecnologias leves na assistência de enfermagem em uma unidade de terapia intensiva

Rev. enferm. UFPE on line; 5 (2 Edição Epecial), 2011
Publication year: 2011

Objetivo:

identificar como os profissionais de enfermagem utilizam e compreendem as tecnologias leves na assistência de enfermagem Metodologia: pesquisa qualitativa descritiva com a participação de profissionais de enfermagem que atuam em uma unidade de terapia intensiva (UTI) no período de março a abril de 2010, para coleta de dados foram utilizados à observação simples, diário de campo e questionário com questões abertas e para análise de dados utilizou-se a análise de conteúdo, a pesquisa teve aprovação do Comitê de Ética da Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões, registrado sob o n. 111-4/PPH/09.

Resultados:

constatou-se que os profissionais de enfermagem compreendem e valorizam as tecnologias leves para a melhoria da assistência à saúde e apesar de identificarem-se momentos de mecanicidade as tecnologias leves estão criando seu espaço no cotidiano da enfermagem Conclusão: surge a necessidade de produzir espaços de discussões sobre o tema com diferentes profissionais, possibilitando o redirecionamento de suas práticas e de suas ações.