A arte de partejar: experiência de cuidado das parteiras tradicionais de Envira, AM

Esc. Anna Nery Rev. Enferm; 13 (2), 2009
Publication year: 2009

Trata-se de um estudo exploratório-descritivo de caráter qualitativo, que retrata as parteiras tradicionais de Envira, município do estado do Amazonas, onde 80% dos partos são feitos por elas. Objetiva caracterizar a experiência de cuidado no partejar dessas parteiras. Participaram do estudo 29 parteiras. Para a coleta de dados, optou-se por entrevistas gravadas. As informações foram analisadas de acordo com o método de análise de conteúdo.

Seis categorias foram evidenciadas:

parteiras de Envira – quem são?; ofício de partejar; partejar - quanto vale esse “dom”; problemas enfrentados pela parteira; problemas frequentemente encontrados pelas parteiras na gestação/parto; e relação com o serviço de saúde. Conclui-se afirmando que há um longo caminho a percorrer na reversão dos quadros de doenças, pobreza e abandono, um caminho no qual as parteiras treinadaspoderão desempenhar importante papel, na medida em que atingem muitas mulheres, configurando-se como multiplicadores concretos de conhecimentos.