Sexualidade do adolescente no discurso de educadores: possibilidades para práticas educativas
Educators' perspective on adolescent sexuality: possible education practices

REME rev. min. enferm; 18 (2), 2014
Publication year: 2014

Pesquisa qualitativa realizada com 23 educadores que atuam em escolas públicas no oeste de Santa Catarina, no ano de 2012, com o objetivo de conhecer a concepção destes sobre adolescência e sexualidade e evidenciar estratégias utilizadas quando discutem o tema sexualidade. Para a coleta das informações utilizou-se o Método Criativo Sensível e a interpretação seguiu a análise temática de conteúdo, discutidas em duas categorias: concepção dos educadores sobre adolescência e sexualidade e estratégias para a discussão do tema sexualidade na escola. Os professores afirmam que a educação sexual é uma área complexa e de difícil abordagem e mostram-se temerosos e pouco preparados para abordar o assunto. Apresentam divergências de entendimentos acerca do processo de adolescer e da sexualidade. Enquanto alguns utilizam metodologias tradicionais, outros adotam estratégias participativas, com enfoque maior para o diálogo. Concluiu-se que a discussão da sexualidade na adolescência, no âmbito escolar, ainda é incipiente, centrada em concepções tradicionais e discutida por áreas do conhecimento que estudam as questões biológicas. Sendo assim, observa-se dificuldade em incluí-lo como um tema transversal.