Resultados: 72

O mini-exame do estado mental (MEM) como indicador de disfunçäo cognitiva após TCE grave

Rev. Esc. Enferm. USP; 28 (3), 1994
O objetivo deste estudo foi analisar as disfunçöes cognitivas apresentadas pelos pacientes que iniciam tratamento ambulatorial após traumatismo crânio-encefálico grave. Durante 1 ano, consecutivamente, 87 pacientes foram atendidos em primeira consulta médica e de enfermagem. Destes, 80 foram submet...

O exame físico e o enfermeiro de UTI

Rev. Esc. Enferm. USP; 28 (2), 1994
Trata-se de um estudo realizado junto a 26 enfermeiros de UTI que teve como objetivos caracterizar a periodicidade de realizaçäo do itens componetes do exame físico, identificar em que momento o seu aprendizado foi mais significativo e levantar a opiniäo dos enfermeiros sobre a fase adequada para o s...

Estudo comparativo do uso da "espátula pupilômetro" (EP) por enfermeiros e auxiliares de enfermagem

Acta paul. enferm; 7 (1), 1994
Trata-se de um estudo comparativo que teve por objetivo medir a precisäo e a efetividade do uso da espátula pupilômetro (EP) por enfermeiros e auxiliares de enfermagem. A partir de uma única orientaçäo com apresentaçäo da EP e demonstraçäo do seu uso, realizou-se o experimento e detectou-se as ...

Utilizaçäo da espátula pupilômetro pelo auxiliar de enfermagem

Rev. paul. enferm; 11 (1), 1992
O objetivo deste estudo foi testar a utilizaçäo da espátula pupilômetro (E. P.) pelos auxiliares de enfermagem. A metodologia usada para a avaliaçäo foi a mesma aplicada para os enfermeiros, ou seja, orientaçäo quanto ao uso da E. P., seguida do teste de precisäo, feito individualmente por meio ...

Espátula pupilômetro: um instrumento para medida do diâmetro pupilar

Rev. bras. enferm; 44 (2/3), 1991
As autoras apresentam instrumento para medida do diâmetor pupilar, constituído de 9 círculos pretos impressos em escala crescente, numa espátula de madeira, com diâmetro mínimo de 1mm e máximo de 9mm. Para este estudo chamam o aparelho de espátula de pupilômetro e foi usado por 180 enfermeiros p...

Condutas de enfermagem e aumento da pressäo intracraniana: uma revisäo de literatura de enfermagem

Rev. gaúch. enferm; 10 (2), 1989
As autoras apresentam o conhecimento existente na enfermagem sobre a associaçäo entre atividades de enfermagem e aumento da pressäo intracraniana, após o advento da monitorizaçäo contínua da pressäo intracraniana. Identificam as condutas de enfermagem indicadas também e as contra-indicadas nos p...