Resultados: 16

Pulseira fotográfica como ferramenta inovadora no protocolo de identificação do paciente com transtorno mental agudo

Rev. enferm. UERJ; 28 (), 2020
Objetivo: descrever a elaboração de protocolo para a identificação do paciente com transtorno mental agudo. Método: estudo exploratório e qualitativo, realizado de maio 2018 a janeiro 2019, por meio das etapas: revisão integrativa da literatura, questionário online respondido por 17 profissionais...

Identificação do paciente como estratégia de segurança

Objetivo: relatar a experiência na construção de um projeto de melhoria contínua da qualidade para a identificação inequívoca do paciente. Método: trata-se de um descritivo, tipo relato de experiência, que compartilha a construção de um projeto que tem como finalidade a identificação inequí...

Protocolo de identificação do paciente com transtorno mental na fase aguda e uma pulseira fotográfica como ferramenta inovadora

O estudo versou sobre a identificação, como meta de segurança, do paciente com transtorno mental na fase aguda, entendendo esta situação como geradora de risco, principalmente pela especificidade desta clientela. Para tanto, traçou-se como objetivo geral: elaborar um protocolo para a correta identi...

Análise da adesão da identificação do paciente no setor de clínica médica

Objetivo: identificar e avaliar a adesão ao Procedimento Operacional Padrão referente à identificação dos pacientes vigente na Instituição. Método: pesquisa quantitativa, descritiva, composta de 45 pacientes selecionados intencionalmente. A coleta de dados ocorreu por método observacional, por m...

Identificação segura: o uso de vídeos como estratégia educativa

Objetivo: pretende-se relatar a experiência do uso de vídeos em ações educativas para a promoção da identificação segura do paciente. Método: trata-se de um estudo qualitativo, do tipo relato de experiência, com profissionais de saúde. Relatou-se sobre o desenvolvimento do primeiro ciclo educa...

Elaboração e validação de checklist para administração de medicamentos para pacientes em protocolos de pesquisa

Rev. gaúch. enferm; 40 (spe), 2019
Resumo OBJETIVO Descrever a elaboração e validação de um checklist como estratégia de administração segura de medicamentos. MÉTODO Estudo de validação por consenso de especialistas conduzido de janeiro a junho de 2018 em um Centro de Pesquisa Clínica de um hospital universitário. O checklis...

Adesão ao protocolo de identificação do paciente e medicação segura

Rev. enferm. UFPE on line; 12 (10), 2018
Objetivo: verificar a adesão da equipe de enfermagem aos protocolos assistenciais relacionados à identificação de pacientes e medicação segura em unidade de terapia intensiva. Método: trata-se de estudo quantitativo, de campo, transversal, descritivo, desenvolvido com pacientes ≥18 anos, com tem...

Adesão à identificação correta do paciente pelo uso da pulseira

Rev. enferm. UFPE on line; 12 (10), 2018
Objetivo: analisar a adesão à identificação do paciente por pulseira pela equipe de saúde e pelos pacientes. Método: trata-se de estudo quantitativo, descritivo e documental. Constituiu-se a amostra por 137 pacientes internados em uma unidade cardiointensiva de um hospital universitário. Coletaram...

Apego a las medidas de seguridad en el procedimiento de identificación inequívoca del recién nacido

Introducción: la seguridad del paciente más que una percepción, es un movimiento que surge en el ámbito mundial como un replanteamiento de la efectividad de los sistemas de salud, ya que cada vez es mayor la conciencia sobre el número de situaciones producidas por descuidos y errores, lo cual entra...

Práticas de identificação do paciente em unidade de terapia intensiva pediátrica

Cogitare enferm; 23 (3), 2018
Objetivo: investigar práticas de identificação do paciente em unidade de terapia intensiva pediátrica. Método: estudo transversal realizado em três hospitais públicos do Sul do Brasil. A coleta de dados (itens identificadores) foi realizada em 2015, por meio de observação não participante e co...